Facco e Costa conheceram o novo carro apenas em Encarnación, mas de cara aprovaram o potencial, ainda que estivessem em fase de adaptação

A etapa de abertura do Campeonato Sul-Americano de Rally de Velocidade (FIA/Codasur) teve grid cheio, com 72 duplas de cinco países, e disputas acirradas no último fim de semana, 17 e 18, em Encarnación, no Paraguai. O Rally Transitapúa teve início com o Super Prime noturno, na sexta-feira (16), quando ainda o mau tempo obrigou a organização cancelar parte da programação, mas o sol forte e o calor intenso dominou a prova no sábado e domingo.

Foto: Lisandro Garcia

Foto: Lisandro Garcia

Entre os brasileiros, a equipe Acelera Siriema, da dupla Luiz Facco e Felipe Costa #253, estreou o novo carro, um Peugeot 208 Maxi Rally, e competiu na categoria mais competitiva, a RC2, formada pelos principais pilotos sul-americanos da modalidade.

A dupla não completou todo o percurso de aproximadamente 400 quilômetros, pois o navegador paranaense, morador de Erechim (RS), passou mal durante a prova devido à desidratação e foram obrigados a abortar a última Especial de sábado, e acabaram optando por não largar para as três Especiais de domingo.

Foto: Daniel Halac

Foto: Daniel Halac

“O carro é muito bom, ainda temos de nos adaptar a ele e serão necessárias outras provas para tirarmos melhor proveito do carro. O rali foi excepcional, com ótima organização e fomos muito bem recebidos, certamente voltaremos para as próximas provas no Paraguai”, afirma Facco, que fez a sua segunda participação no Rally Transitapuá.

Foto: Lisandro Garcia

Foto: Lisandro Garcia

Pela quarta vez na prova paraguaia, o navegador disse que desta vez o calor que beirou os 40 graus castigou os competidores. “O calor judiou muito, passei mal e não consegui mais navegar e não pudemos mais continuar, mas foi mais uma oportunidade desafiadora participar desta prova, ainda mais com um carro sensacional como esse, que nos impressionou”, finalizou Costa.

Foto: Lucas Ronsoni

Foto: Lucas Ronsoni

Participaram do 31º Rally Transitapuá duplas do Paraguai, Argentina, Brasil, Bolívia e Uruguai e os vencedores foram: Diego Dominguez/Edgardo Galindo(RC2) 01:23:37, Roberto Saba/Claudio Ocampo (RC2N) 01:28:04, Gerardo Planas/Jorge Cruz (RC3) 01:39:50, Diego Dominguez Fl/Hector Nunes (RC4) 01:34:57 e Nicolas Baeza/Daniel Vera (RC5) 01:47:34.

Fotos: Lisandro Garcia

Fotos: Lisandro Garcia

A equipe conta com o patrocínio da Gonçalves S/A Indústria Gráfica, Yokohama e Acelera Siriema Rally e apoio da FD Stands e Displays.


Assessoria de Imprensa – Equipe Acelera Siriema
MSuzuki Comunicação
Mércia Suzuki – cel. 11 99705-7720
mercia.suzuki11@gmail.com
www.msuzukicom.com.br